Briga entre dois passageiros deixou 14 pessoas feridas em estação do Metrô de SP

Um dos feridos na confusão na estação Pinheiros do Metrô é socorrido por bombeiro

Uma briga entre dois passageiros deixou 14 pessoas feridas na estação Pinheiros do metrô, na Zona Oeste de São Paulo, nesta sexta-feira (2). A briga que gerou confusão e correria ocorreu na passarela que liga a Linha 4-Amarela da ViaQuatro à Linha 9-Esmeralda da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos). O caso aconteceu por volta das 8h30.

Segundo a ViaQuatro, dois homens se desentenderam enquanto faziam a transferência na passarela. Eles brigaram após se esbarrarem em meio ao grande fluxo de pessoas no local e acabaram derrubando as grades que divide o fluxo de passageiros. O forte barulho assustou outras pessoas que correram do local, e chegaram a relatar que houve tiro, mas, segundo a Via Quatro, foi mesmo o barulho das grades no chão.

Os seguranças da CPTM conseguiram deter um dos envolvidos na briga que foi levado à Delegacia de Polícia do Metropolitano (Delpom), delegacia especializada em ocorrências nas dependências e trens da CPTM e Metrô de São Paulo localizada na Barra Funda. O outro, segundo a companhia, conseguiu fugir.

Durante a correria, pelo menos quatorze pessoas ficaram feridas. Quatro delas foram socorridas pelos agentes da ViaQuatro com ferimentos leves e encaminhadas ao pronto socorro.

Ainda durante a confusão uma mulher gritou que tinha tido a bolsa levada por um homem, que pulou sobre as grades para fugir correndo. A Via Quatro e a CPTM disseram que nenhuma ocorrência de roubo foi registrada e que não possuem informação sobre o ocorrido.

No momento, os trens do Metrô e CPTM operam normalmente.
Tecnologia do Blogger.