Foram presos na noite desta terça-feira (12) na estação do Metrô Tatuapé, Zona Leste de São Paulo, três homens por prática de fraude com o Bilhete Único. Outros quatro menores de idade foram apreendidos por suspeita de envolvimento no esquema.

O grupo oferecia a passagem mais barata para os passageiros na catraca da estação usando cartões do Bilhete Único. Com o grupo foram encontrados sete cartões com R$ 629.


Mudança no carregamento de créditos

No último dia 30, a Prefeitura de São Paulo publicou uma portaria que limita a compra de créditos no Bilhete Único de vale-transporte e cartão de estudante emitidos não identificados, emitidos até 2013. O objetivo da medida é justamente evitar fraudes.

Agora, esses bilhetes podem ser recarregados com no máximo dez tarifas, isto é, R$ 43. Antes, o valor da recarga máxima era de R$ 350.

Os usuários que possuem atualmente mais de R$ 43 nos cartões citados emitidos até o ano de 2013 terão quatros meses para gastar créditos. Após esse período, os cartões serão rejeitados.

(*)Com informações do Portal G1


   DEIXE SEU COMENTÁRIO   

            LEIA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.