Doria diz que modelo de Metrô do ABC é 'inviável'

Governador prometeu buscar novas formas de tirar projeto do papel

O governador João Doria (PSDB) disse nesta semana que o modelo da Linha 18-Bronze do Metrô, que ligará o ABC a capital, foi um erro e é inviável.

O tucano disse ainda que está estudando um novo formato para a linha. "Nós teremos um outro formato que não vai exigir R$ 600 milhões de pagamento para indenizações por desapropriações, até porque isso é inviável, nós não temos recursos no orçamento para essa finalidade", disse durante a inauguração de estação da Linha -Lilás.


O monotrilho do ABC foi projetado para ligar São Bernardo, Santo André e São Caetano com a a estação Tamanduateí, da linha 2-Verde do Metrô e a 10-Turquesa da CPTM, na capital, e estava prevista para entrar em operação em 2015. Entretanto, até hoje não saiu do papel.

O modal foi apontado, em 2009, como alternativa de baixo custo para atender os moradores da região.

"Essa linha 18 será implementada. Estamos estudando qual o melhor formato, mas obra parada não vai existir em nosso governo. O próprio projeto pode mudar para uma viabilização com recursos privados", afirmou Doria.

De acordo com o governador, o monotrilho do ABC está sendo avaliado pelas secretarias, mas não receberá verba pública. Sua implantação deverá ser feita por meio de PPP (parceria público-privada).

Entretanto, o prazo para o que o projeto seja concretizado também não foi estimado pelo tucano. "Estamos acelerando o processo. Mas só estamos no governo há 14 dia de governo. Vamos agir com responsabilidade", declarou.

(*) Com informações do Jornal Destak



   DEIXE SEU COMENTÁRIO   

            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.