Greve de Motoristas de Ônibus em SP é suspensa

Foto: ITMidia

Após acordo com empresas Motoristas e cobradores de São Paulo aceitam propostas e suspendem greve que estava marcada para a próxima quinta-feira (23).

Os motoristas vinham pedindo, entre outras reivindicações, reajuste salarial de 8%. As empresas do setor vinham oferecendo 4%. Agora, há proposta de 5,1% de reajuste.


O índice foi oferecido após o prefeito Bruno Covas indicar o ex-presidente da Câmara Municipal, o vereador Milton Leite (DEM)para participar das negociações.

Eles também tiveram aumento nos benefícios, como o tíquete-refeição, e a PLR – Participação nos Lucros e Resultados.

O tíquete refeição vai para R$ 25,20.


            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.