GREVE: Nova proposta pode evitar paralisação de ônibus na cidade de São Paulo nesta quinta (23)


Foto: Aílton Oliveira/Mobilidade SP

O sindicato dos motoristas de ônibus realiza hoje (22), por volta das 15h, uma assembleia para decidir os rumos da greve, marcada para amanhã, dia 23 de maio de 2019.

Mas uma nova proposta trabalhista reduziu a chance de haver greve. Os motoristas vinham pedindo, entre outras reivindicações, reajuste salarial de 8%. As empresas do setor vinham oferecendo 4%. Agora, há proposta de 5,1% de reajuste, segundo disse ao jornal O Estado de S. Paulo o presidente licenciado do sindicato dos motoristas, Valdevan Noventa.


Os novos valores surgiram depois de intervenção do prefeito Bruno Covas (PSDB) nas negociações. Diante de iminência da greve, Covas indicou o ex-presidente da Câmara, Milton Leite (DEM), ligado ao setor de transportes, para participar da mesa de negociação.

O SPUrbanuss, sindicato que representa as viações, entrou com pedido de julgamento de dissídio no TRT (Tribunal Regional do Trabalho).

(*) Com informações do Jornal Metro


   DEIXE SEU COMENTÁRIO   

            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.