ATENÇÃO: Linha 2-Verde do Metrô de SP terá operação diferenciada por 22 dias seguidos

Companhia irá instalar, nesse período, portas de plataforma na estação Vila Madalena. População impactada será de 38 mil passageiros por dia

Foto: Nelson Kon

A linha 2-Verde do Metrô de São Paulo terá operação diferenciada por 22 dias neste mês de julho. Entre os dias 6 e 28, os passageiros que embarcam e desembarcam nas estações Vila Madalena e Sumaré precisarão trocar de trem na estação Clínicas para prosseguir viagem em ambos os sentidos, isso porque a companhia instalará portas de plataforma na Vila Madalena.

A transferência de trens é necessária pois uma das plataformas da estação Vila Madalena ficará interditada para a implantação das portas automáticas, equipamentos que aumentam a segurança dos passageiros e do sistema metroviário.


O intervalo entre viagens nas estações Vila Madalena e Sumaré será maior, de 8 minutos. Entre as estações Clínicas e Vila Prudente, a operação será normal.

Como justificativa, o Metrô escolheu o período de férias escolares para a realização dos serviços justamente para interferir o mínimo possível no cotidiano dos passageiros — a população impactada será de, no máximo, 38 mil passageiros por dia, o que significa menos de 1% da demanda diária total.

A instalação de portas de plataforma nas estações permitirá a redução do número de interferências nas linhas de Metrô, aumentando a regularidade da circulação dos trens e, principalmente, a segurança dos passageiros.


A melhoria na estação Vila Madalena faz parte do contrato do sistema de sinalização CBTC, cuja implantação está praticamente concluída na linha 2-Verde. As próximas estações que vão receber os equipamentos de segurança neste contrato são: Tucuruvi e Jabaquara, na Linha 1-Azul, com previsão para 2020; e Corinthians-Itaquera e Palmeiras-Barra Funda, na Linha 3-Vermelha, previstas para o primeiro semestre de 2021.

Em junho, o Metrô assinou outro contrato para a instalação de portas de plataforma em outras 36 estações das linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha. O investimento é de R$ 342 milhões e o prazo de execução de 56 meses.

As estações Sacomã, Tamanduateí e Vila Prudente (Linha 2-Verde); Vila Matilde (Linha 3-Vermelha); Adolfo Pinheiro (Linha 5-Lilás).; e todas da Linha 4-Amarela e da Linha 15-Prata já contam com o sistema de segurança.

(*) Com informações do Portal R7


   DEIXE SEU COMENTÁRIO   

            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.