Aumenta mais de 20% em um ano a procura por bicicletários da CPTM

Estação Suzano lidera percentual de partidas. Cerca de 620 bicicletas são estacionadas por dia no local.
Foto: Vitoria Mikaelli

As bicicletas ganham cada vez mais espaço nas ruas. De acordo com uma pesquisa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, a procura pelos bicicletários das estações da CPTM aumentou 22% em abril, comparando com o mesmo período do ano passado.

O maior percentual de partidas está na Estação Suzano, por dia cerca de 620 bicicletas são estacionadas no local. O bicicletário completou dois anos em junho e é o maior da CPTM com 576 lugares. O serviço é gratuito e funciona de domingo à sexta-feira, das 4 à 0h e aos sábados das 4 à 1h do dia seguinte.


Além de Suzano, as estações Ferraz de Vasconcelos e Poá contam com bicicletário. Para usar o serviço, basta fazer um cadastro no local apresentando o documento de RG. O passageiro deve levar o cadeado e corrente para guardar a bicicleta.

O assistente administrativo André Luis Neves trabalha em um escritório na capital. Antes de começar a jornada, percorre cinco quilômetros em 20 minutos de casa até a estação. Ele comprou a bicicleta especificamente para isso e conta que os benefícios vão além da economia de tempo e dinheiro. "Se não tem tempo para fazer uma academia, indo e voltando de casa já é um feito e tanto", conta Neves.

A opção de usar a bicicleta também agrada o fotógrafo Adriano Vaccari. "Essa intermodalidade entre trem e bicicleta é muito importante. A gente ganha muito na qualidade de vida, dá sair um pouquinho mais tarde e acabo chegando antes que se tivesse vindo de carro", explica.

(*) Com informações do Portal G1


   DEIXE SEU COMENTÁRIO   

            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.