Metrô SP abre licitação para compra de trens e sistemas da linha 17-Ouro do Monotrilho

Esta é a última etapa para a retomada de todos os trabalhos de implantação do monotrilho

Foto: Estação Campo Belo/Divulgação Metrô de SP

O Metrô de São Paulo publicou no Diário Oficial desta sexta-feira (12) a abertura de licitação internacional para a compra de 14 trens e implantação dos sistemas de sinalização, retomando todos os trabalhos de implantação da Linha 17-Ouro, em monotrilho.

O edital completo estará disponível a partir de segunda-feira (15) e a sessão de recebimento das propostas será feita em 15/09. A contratação vai abranger também a instalação de portas de plataforma nas oito estações da linha, bem como de equipamentos para o sistema de alimentação elétrica, aparelhos de mudança de via e de manutenção dos trens.


Essa nova contratação vai substituir o Consórcio Monotrilho Integração (CMI), cujo acordo foi rescindido este ano pela atual gestão do Metrô, após constantes atrasos e redução no ritmo dos trabalhos pelo consórcio.

Os problemas também levaram a aplicação de multas no valor de R$ 88 milhões, além da suspensão das empresas integrantes do consórcio de novas licitações e contratos com a administração estadual de São Paulo pelo período de dois anos.


Outra parte dos serviços que estava no escopo do contrato com o CMI é a obra civil para a implantação da via com as vigas por onde passará o monotrilho. O edital foi publicado no final de maio e a contratação deve ser feita neste semestre.

Os demais serviços para a implantação da Linha 17-Ouro ocorrem normalmente com a construção das oito estações do trecho prioritário e do pátio de manutenção Água Espraiada. Quando pronta, a linha terá 7,7 km ligando o aeroporto de Congonhas à estação Morumbi, da CPTM.


            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.