NOVIDADE: Uber divulga mudança em taxa de cancelamento cobrada em aplicativo


Foto: Reprodução

Nesta terça-feira (16), a Uber anunciou novas diretrizes em relação à taxa de cancelamento, que normalmente é cobrada para compensar o tempo que o motorista do aplicativo investiu para se locomover até o usuário em questão. Por enquanto, o novo sistema de calcular a taxa de cancelamento vale apenas na capital do Rio de Janeiro.

O novo cálculo dessa taxa é baseado no tempo e na distância percorrida pelo motorista, e isso pode ser uma característica positiva do app, já que dependendo do tempo que o usuário levar para cancelar, pode pagar bem menos do que pagava antes (R$ 7). Por outro lado, graças ao novo sistema, é possível pagar um pouco mais do que a antiga taxa fixa.


Ainda assim, há uma taxa máxima para cada uma das modalidades: enquanto a taxa de cancelamento do Uber X tem a mínima de R$ 2 e a máxima de R$ 8, cancelar o Uber Juntos pode ir de R$ 1,50 a no máximo R$ 6. A taxa do Uber X VIP também é no mínimo R$ 2, e pode chegar a R$ 10. Já o Uber Select conta com uma taxa de no mínimo R$ 2,25 e no máximo R$ 11, enquanto o Uber Black tem taxas variando entre R$ 3 e R$ 12.

Além da novidade envolvendo o cálculo da taxa, a Uber também mudou sua visão diante do cancelamento, levando em consideração que nenhuma taxa será cobrada se o aplicativo reconhecer que o motorista não se locomoveu no sentido correto até o usuário, e que a taxa também não será cobrada se o usuário levar até dois minutos para fazer o cancelamento da corrida a partir do instante em que o chamado é confirmado pelo motorista.

LEIA TAMBÉM

O aplicativo também anunciou que o usuário tem até cinco minutos para entrar no carro, depois que o motorista chegar ao local de partida. Se a corrida não for iniciada até esse tempo, o motorista pode cancelar e a taxa de cancelamento fica por conta do próprio usuário.

(*) Com informações do Canaltech



            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.