Segurança morre em hospital após ser espancado por vendedores ambulantes em estação da Linha 7-Rubi da CPTM


Foto: Aílton Oliveira

De acordo com informações do Site Rede Noticiando, o segurança, Salatiel Gomes da Silva, de 51 anos, que foi agredido a pauladas por vendedores ambulantes, na estação de Botujuru, em Campo Limpo Paulista (SP), faleceu nesta sexta-feira, dia 9 de agosto de 2019. De acordo com o site, o segurança veio a óbito com morte cerebral.

O Caso
Segundo o boletim de ocorrência, dois homens tentaram entrar sem pagar passagem e foram repreendidos por dois agentes que trabalham na estação, na tarde da última segunda-feira, dia 5 de agosto.


Em seguida, os dois voltaram com uma dupla e os quatro agrediram com pauladas os dois vigilantes.

Luís Antônio Garatti, de 42 anos, teve ferimentos leves, foi medicada no Hospital das Clínicas de Campo Limpo Paulista e teve alta.

Já Salatiel, teve que ser transferido para o Hospital São Vicente, em Jundiaí. Ele estava internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).


Polícia pede prisão de ambulantes que agrediram os agentes
O delegado responsável pelo caso disse que os investigadores estão perto de identificar e prender os agressores. Segundo testemunho à polícia, não é a primeira vez que eles tentam entrar na estação sem pagar passagem.

Eles devem responder pelos crimes de lesão corporal, seguido de tentativa de homicídio.


Leia também:

CPTM
A equipe do Mobilidade SP entrou em contato com a CPTM para obter mais detalhes sobre o caso, mas por questões burocráticas ainda não obteve uma resposta final da companhia.


            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.