Veja Dicas de como ser entregador do Uber Eats, para moto, bike e mais

Além de ganhar pelo quilômetro rodado, o parceiro da empresa lucra na entrega e na retirada de alimentos

Foto: Getty Imagens

Ser entregador do Uber Eats pode ser uma alternativa para quem procura uma forma de ganhar dinheiro extra. O entregador realiza a retirada e a entrega dos alimentos, podendo trabalhar por bicicleta, moto e carro, com a vantagem de montar sua própria jornada.

Para se tornar um parceiro, é necessário fazer um cadastro no app Uber Driver ou no site da franquia, além de preencher alguns requisitos. Confira a seguir o que é preciso para se cadastrar na plataforma concorrente do iFood e do Rappi. Vale lembrar que o aplicativo do serviço de delivery está disponível para Android e iPhone (iOS).


Quais são os requisitos para se tornar entregador?

Para realizar entregas de carro ou de moto, é preciso ter uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) válida com a observação "Exerce atividade remunerada". Além disso, o usuário deve possuir o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo. O documento pode estar licenciado como Pessoa Física ou Jurídica e não precisa estar no nome do condutor.

Já para quem deseja fazer o delivery com bicicleta, é necessário ter mais de 18 anos e possuir documentos como RG e CPF.

Como se cadastrar?

Se você ainda não possui cadastro na Uber, você pode se inscrever no aplicativo Uber Driver ou no site (www.uber.com/a/signup/drive/deliver). Complete com seu e-mail, nome, telefone, crie uma senha e selecione a cidade em que está.

Escolha a opção fazer entregas e aceite que a empresa cheque seus antecedentes criminais. Depois, é preciso fazer o upload dos seus documentos pessoais e tirar uma foto de perfil. Por fim, aguarde uma notificação comunicando que seu perfil já está ativo.

Quem já é cadastrado na Uber só precisa abrir o app de parceiros, entrar na seção "Conta" e "Opções de Veículos". Depois, confirmar a aceitação dos termos e condições da Uber e esperar que o perfil fique ativo. Assim, o usuário também pode aceitar pedidos de entrega do Uber Eats.


Quais as vantagens de ser um entregador?

Por meio do app de parceiro, é possível ativar e desativar a disponibilidade para entregas, dando ao motorista a possibilidade de escolher seu próprio horário de trabalho. Outra vantagem para quem realiza entregas com o Uber Eats é a cobertura de seguro para acidentes pessoais oferecida pela empresa. O entregador está coberto a partir do momento em que aceita um chamado até a chegada ao destino final.

Além disso, caso seja preciso utilizar estacionamento pago durante a entrega, o Uber Eats reembolsará os custos para o parceiro. A empresa também apresenta um serviço de Central de Ajuda online e de atendimento para o auxílio dos motoristas.

Como receber os repasses?

Os ganhos são pagos pelos usuários e repassados semanalmente pela Uber para a conta cadastrada. Caso os valores da entrega não atinjam o custo de R$ 5, o parceiro recebe a diferença. A taxa de serviço do uso do aplicativo é de 25% sobre os os ganhos para entregas com motocicletas e de 30% para entregas com bicicleta.

Quanto recebe um entregador?
Os valores recebidos pela entrega variam em cada cidade. Em São Paulo, por exemplo, a retirada da comida é R$ 3,20, a entrega é R$ 1,40 e a cada quilômetro rodado o motorista ganha R$ 1,10. Já no Rio de Janeiro, a retirada é R$ 2,60, a entrega é R$ 1,33 e o valor do quilômetro é R$ 0,83.

(*) Com informações do TechTudo


            VEJA TAMBÉM:           

Tecnologia do Blogger.